BOZO E O PRÍNCIPE ESQUARTEJADOR

“Tenho uma certa afinidade com o príncipe. Todo mundo gostaria de passar uma tarde com o príncipe. Especialmente vocês mulheres, né? (Jair Bolsonaro em visita à Arábia Saudita em 2019, sobre o príncipe herdeiro saudita Mohamed bin Salman).

Jair Bolsonaro convidou Mohamed bin Salman, o príncipe herdeiro saudita, para uma visita ao Brasil. Mohamed bin Salman é um dos ditadores mais sanguinários do mundo. Ele mandou assassinar e esquartejar um jornalista que lhe fazia oposição. Ele apoia a chamada “guerra santa” dos jihadistas e, sob suas ordens, hospitais e escolas no Yemen já foram bombardeados. Pois é exatamente esse assassino sanguinário que Bolsonaro convidou para vir ao Brasil. E mais. Bozo já declarou “ter uma certa afinidade” com ele. Nenhuma novidade. Para que tem como ídolos outros tiranos sanguinários como Pinochet, Stroessner, Videla e Médici, além de exaltar um assassino torturador chamado Brilhante Ustra, a preferência do fascista não é nenhuma surpresa.

A “diplomacia” do Bozo nunca mostrou tanto a sua cara como nos últimos dias. Ao se dizer “solidário” a Putin em meio a um conflito com a Ucrânia, ele conseguiu mais uma vez se isolar. Depois, foi à Hungria lamber o saco do líder da extrema-direita, Vicktor Orban. Agora, confirma o convite para o seu esquartejador de estimação vir ao Brasil. É bom lembrar ao Bolsonaro, que se diz “cristão”, que o seu esquartejador de estimação proíbe a prática do cristianismo na Arábia Saudita.

A visita do príncipe esquartejador está prevista para março e será mais um tapa de Bolsonaro à democracia e à diplomacia brasileiras. No fundo, não passam de dois trastes que se merecem. Só que, enquanto a Arábia Saudita é uma monarquia teocrática, o poder do esquartejador está garantido pela sucessão hereditária. Já no Brasil, uma República, teremos eleições esse ano e vamos varrer do poder o fascista que “tem afinidade” com o esquartejador. Depois, ele que vá para a Arábia Saudita pedir asilo ao seu ídolo para não ir para a cadeia.

Em tempo: qual a mulher que “gostaria de passar uma tarde” com o príncipe esquartejador, como disse Bolsonaro? Quem vai?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s