LÍDER DE BOLSONARO OFENDE PROFESSORES

Ricardo Barros, que é o líder de Bolsonaro na Câmara dos Deputados, disse nessa terça-feira, 20 de abril, em entrevista à CNN Brasil, que “os docentes não querem trabalhar”. Vomitando todo o seu ódio contra os professores, o fascista continuou em seu ataque:

“É absurdo a forma como estamos permitindo que os professores causem tantos danos às nossas crianças na continuidade da sua formação. O professor não quer se modernizar, não quer se atualizar. Já passou no concurso, está esperando se aposentar, não quer aprender mais nada”.

Não satisfeito, prosseguiu o bolsonarista com seu ataque aos professores:

“Só o professor não quer trabalhar”.

Evidentemente não nos causa surpresa quando vemos ódio e ofensa aos professores vindo de Bolsonaro e seus assemelhados. O que nos causa espécie é saber que teve professores votando em Bolsonaro e ainda hoje apoiam Bolsonaro e sua camarilha. Esses realmente merecem!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s