PAZUELLO POR UM TRIZ E BOZO NA SINUCA

O desastre na gestão da pandemia por parte do governo Bolsonaro já leva o capitão fascista a pensar na demissão de Pazuello, que nada mais fez do que servir de fantoche para realizar as atrocidades de Bolsonaro. Pazuello bancou o uso de cloroquina, não usou verbas do Ministério da Saúde, foi negacionista e, por diversas vezes, desautorizado e desmoralizado por Bolsonaro, aceitou cumprir o papel de bucha. Tudo para satisfazer aos devaneios genocidas de Bolsonaro. Mas parece que, depois de usado e pisoteado, o general não tem mais serventia e agora, a exemplo de outros, será descartado como lixo.

No momento em que o Brasil caminha para as 300 mil mortes e o sistema de saúde já anuncia o seu colapso, além da falta de vacinas e atraso na imunização, Bolsonaro parece já sentir o tranco e, vislumbrando o estrago que a incompetência de seu governo pode fazer em 2022, já pensa em rifar o general-fantoche. Principalmente depois do discurso de Lula há uma semana, elogiado dentro e fora do Brasil no qual, dentre outras coisas, Lula deu uma aula de como enfrentar a pandemia.

Mas Bolsonaro só tem duas escolhas, e aí ele entrou em uma sinuca. A cotada para o cargo, a cardiologista Ludhmila Hajjar, tem uma visão técnica, é contra a cloroquina, a favor do isolamento social e já criticou o próprio Bozo. Se quiser mudar o quadro, a doutora Ludhmila seria o nome certo. Ela é bancada pelo Centrão, aliado de Bolsonaro. Aparentemente, seria tranquilo para o Bozo deletar o general e nomear a doutora Ludhmila. Mas aí vem a sinuca em que o Bozo se meteu. Porque a ala ultra-fascista que apoia Bolsonaro é contra a nomeação da doutora, que aparentemente defende tudo o que Bolsonaro sempre atacou. Mas se não ceder ao Centrão, seus deputados fisiológicos logo poderão tirar-lhe o apoio. E é bom lembrar que o Lula voltou à cena!

O que o Bozo fará? Colocará um novo fantoche como ministro da Saúde para nada mudar e agradar à sua ala de extremistas fanáticos, desagradando ao Centrão? Ou nomeará o nome do Centrão, mais técnico, e desagradará a sua ala de extremistas e milicianos digitais?

Enquanto isso, por incompetência, omissão, e negacionismo oficiais, o vírus vai devastando vidas. As 300 mil mortes lamentavelmente já batem em nossa porta.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s