O F5 DAS BESTEIRAS DE BOLSONARO

f5

Insultos, baixarias, agressões gratuitas, preconceitos, xenofobia, falta de compostura são algumas das características das declarações de Jair Bolsonaro. Agora, não iremos mais esperar o final do ano para fazermos uma retrospectiva das besteiras expelidas pelo Presidente da República. Vamos atualizando, a cada dia, o rol de sandices, bizarrices e baixarias de Jair Bolsonaro, para a vergonha eterna de nosso país que tem um elemento desse como Presidente. Portanto, esse artigo estará permanentemente sendo atualizado. Assim, apertem o F5 e atualizem as besteiras de Bolsonaro durante todo o ano de 2020:

“Os livros didáticos têm muita coisa escrita.” (Em 3 de janeiro de 2020).

“Para quem gosta do que urubu come, é um bom filme.” (Em 14 de janeiro de 2020 cheio de ódio, recalque e rancor, sobre o documentário “Democracia em Vertigem”, indicado para o Oscar).

“Cada vez mais o índio é um ser humano igual a nós.” (Em 24 de janeiro de 2020).

“Aquela japonesa morreria de fome se tentasse ser jornalista no Japão.” (Em ataque xenófobo contra a jornalista Thays Oyama, em 25 de janeiro de 2020).

“Uma pessoa com HIV é uma despesa para todos aqui no Brasil.” (Em 5 de fevereiro de 2020).

“Eu sou imbroxável.” (Atacando jornalistas, em 6 de fevereiro de 2020).

“O povo japonês é uma raça superior e nós somos inferiores.” (Em 7 de fevereiro de 2020).

“Vou dar uma banana para vocês.” (Atacando jornalistas, em 8 de fevereiro de 2020).

“Quem é Greenpeace? Quem é essa porcaria chamada Greenpeace? Isso é um lixo.” (Atacando a ONG ambientalista Greenpeace, em 13 de fevereiro de 2020).

“Quem age dessa maneira merece outra banana, hein!” (Atacando jornalistas e fazendo o gesto de uma banana com o braço, em 15 de fevereiro de 2020).

“Ela queria dar o furo.” (Ofendendo, com insinuação sexual, a jornalista Patrícia Campos Mello, da Folha de São Paulo, seguindo-se risadas de seus seguidores, em 18 de fevereiro de 2020).

“Depois da facada, não vai ser uma gripezinha que vai me derrubar. ” (Desdenhando o coronavírus em plena pandemia, em 20 de março de 2020).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s