DEPUTADO RACISTA VANDALIZOU

quadro quebrado 2

“Se fazem isso contra um cartaz, imagine contra gente de carne, osso e pele negra.” (Carlos Latuff, autor da charge do quadro quebrado pelo deputado federal Coronel Tadeu, do PSL).

Mais uma vez os fascistas odiosos entraram em cena e, “para variar”, o alvo foi de novo a população negra. Agora, foi o deputado federal Coronel Tadeu, do PSL (alguma novidade?) e apoiador de Bolsonaro (alguma novidade?) que, em um ato de fúria doentia quebrou uma obra de arte que denunciava o extermínio da população negra. O racista e, portanto, criminoso do deputado Coronel Tadeu, merece todo nosso repúdio. Tudo aconteceu na exposição “Trajetórias Negras Brasileiras”, que estava sendo exibida dentro da própria Câmara dos Deputados.

O quadro vandalizado pelo deputado fascista mostrava um homem negro sendo morto por um policial e retrata a mais pura e infeliz realidade. Basta ver as estatísticas e nem precisamos sair do Rio de Janeiro para constatarmos que a “política de segurança” se confunde com o extermínio de negros, sejam adultos, jovens ou crianças. Em plena Semana da Consciência Negra, uma exposição que mostra a verdade sobre o extermínio da população negra, especialmente nas chamadas “políticas de segurança”, incomodou o deputado do PSL. Por que será?

É necessário esclarecer que invasões a exposições, quebras de placas (a da Marielle, por exemplo, por fascistas igualmente do PSL), agressões às políticas de inclusão de negros e outras barbaridades vem sendo cometidas porque os criminosos que assim agem estão encontrando campo e apoio oficiais para tais atitudes. O crime cometido pelo Coronel Tadeu não tem espaço para “eufemismos jurídicos”: foi racismo mesmo, especialmente porque ele destruiu uma obra de arte que fazia parte do acervo de uma exposição sobre a coletividade negra. Portanto, não me venham com essa de “injúria racial”, porque toda uma comunidade foi atingida pelo crime do deputado fascista. Assim, ele deve responder na forma da lei, inclusive no Conselho de Ética, pois seu crime foi praticado nas dependências da própria Casa Legislativa onde ele é parlamentar. O crime, portanto, pela Constituição Federal, é imprescritível e inafiançável. A Câmara dos Deputados tem o dever de, em nome do povo e da Constituição, punir exemplarmente esse bandido racista. Seria de bom alvitre que o Sr. ministro da Justiça se pronunciasse (será?), bem como a PGR.

Até setores da direita recriminaram o ato racista do coronel Tadeu, como o Presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, que disse esperar que o ato não se repita, visto que atos como esses, em suas palavras, não seriam bons para uma casa que pretende representar todos os brasileiros. No entanto, só acreditaremos que atos como esses não se repetirão se o Coronel Tadeu for exemplarmente punido, tanto no Conselho de Ética da Câmara como pelo Poder Judiciário, pelo crime de racismo cometido. E tudo isso, na véspera do Dia da Consciência Negra. Um deputado como esse só pode representar a escória da sociedade brasileira!

 

Um comentário sobre “DEPUTADO RACISTA VANDALIZOU

  1. Pingback: DEPUTADO RACISTA VANDALIZOU #1 | Viva a Diferença Brasil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s