FACEBOOK DETONA FASCISTAS

facebookEm março comentamos, aqui neste espaço, que  a organização neofascista MBL (Movimento Brasil Livre) era uma disseminadora de notícias falsas. As páginas do MBL ou ligadas ao movimento, sempre fomentaram ou disseminaram mentiras que eram compartilhadas, espalhando-se em progressão geométrica pela rede. Incluindo-se aí as mentiras espalhadas pelo site ultra-direitista Ceticismo Político, de um fantasma fascista chamado Luciano Ayan, que ninguém nunca soube quem é. O MBL também foi responsável pela disseminação, em suas páginas, de calúnias e ofensas à vereadora Marielle Franco.

Mas hoje, felizmente, parece que os fascistas foram travados. O Facebook informou que excluiu várias páginas ligadas ao MBL. Motivo: as páginas espalhavam boatos e formavam aquilo que o Facebook chamou de “rede de desinformação”. Essa “rede de desinformação”, segundo o Facebook, espalhava notícias falsas e escondia contas fantasmas para propagar mentiras.  Para se ter uma ideia da rede tentacular dos fascistas, ao todo 196 páginas e 87 contas ligadas ao MBL foram removidas. O Facebook afirma que a medida foi tomada após rigorosa investigação e que a finalidade é manter a política de autenticidade da rede social.

Mas o MBL não está só. Páginas do movimento Brasil 200, do empresário Flávio Rocha, o dono da Riachuelo e ex-candidato a Presidente da República que era apoiado pelo MBL, também foram removidas. A chamada “mentira digital”, especialidade dos fascistas do MBL e seus seguidores, sempre teve um efeito devastador. Aliás, esse sempre foi o “modus operandi” dos fascistas do MBL. As páginas e contas desativadas contabilizam, ao todo, cerca de meio milhão de seguidores. Que os “zumbis digitais” cantem em outro terreiro e passem, doravante, a debaterem, discordarem e fazerem política primando pela verdade.

Leia na íntegra o comunicado do Facebook:

“Garantindo um ambiente autêntico e seguro (por Nathaniel Gleicher, líder de Cibersegurança)

O Facebook dá voz a milhões de pessoas no Brasil, e queremos ter a certeza de que suas conversas acontecem em um ambiente autêntico e seguro. É por isso que nossas políticas dizem que as pessoas precisam usar suas identidades reais na plataforma.

Como parte de nossos esforços contínuos para evitar abusos e depois de uma rigorosa investigação, nós removemos uma rede com 196 Páginas e 87 Perfis no Brasil que violavam nossas políticas de autenticidade. Essas Páginas e Perfis faziam parte de uma rede coordenada que se ocultava com o uso de contas falsas no Facebook, e escondia das pessoas a natureza e a origem de seu conteúdo com o propósito de gerar divisão e espalhar desinformação.

As ações que estamos anunciando hoje fazem parte de nosso trabalho permanente para identificar e agir contra pessoas mal intencionadas que violam nossos Padrões da Comunidade. Nós estamos agindo apenas sobre as Páginas e os Perfis que violaram diretamente nossas políticas, mas continuaremos alertas para este e outros tipos de abuso, e removeremos quaisquer conteúdos adicionais que forem identificados por ferir as regras.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s