GOLPISTAS JANTAM O PICOLÉ

maia aécio temerpicole-chuchuNa última quinta-feira, dia 21, um dia após Marina Silva ter caído na rede do narigudo global, tivemos nova patuscada da direita. Dessa vez, expoentes golpistas de alto quilate reuniram-se em jantar na casa de Rodrigo Maia, o “garoto de estimação do Temer”. Além de Maia, o anfitrião, representando o DEM, lá estavam Aécio (sempre ele!) representando os tucanos e o golpista do Jaburu, Temer, representando o MDB. Claro que o Gato Angorá não poderia faltar. No clima da Copa do Mundo, os comensais golpistas avaliaram a candidatura de Alckmin e, enfim, caíram na real: o Picolé de Chuchu não decola e é bom ele tomar cuidado. Quem com golpe fere, com golpe será ferido! 

Eles estão desesperados e já pensam em derreter o Picolé de Chuchu, colocando-o para escanteio. O plano dos tungadores do país consiste em substituir Alckmin por Dória na candidatura à Presidência da República. E, mais uma vez, Aécio terá protagonismo em um novo golpe, dessa vez contra um suposto correligionário. O playboy do pó ainda tem alguma força nas bandas tucanas, as mais podres delas. Assim, na convenção que se aproxima, Alckmin poderá levar uma rasteira. Interessante. Parece brincadeira de bota e tira, entra e sai (sem trocadilhos!) O ex-prefeito Engomadinho do Tietê já foi “plano A”, foi tirado de cena e agora querem trazê-lo de volta. A jogada seria unir as três legendas ícones do golpe (PSDB/MDB e DEM) em uma única candidatura (no caso, Dória), para tornar viável uma futura salvação de Temer, Aécio, Moreira Franco e outros bandidos de seus crimes.

Não é de hoje que Temer e seus comparsas, incluindo todos os que estavam nessa patuscada, procuram um meio de ficarem impunes a partir de 2019. Eles irão apoiar uma candidatura que lhes garanta a certeza de não pagarem pelos seus crimes. Claro que Alckmin representa essa certeza. Mas ele não tem votos. Então, por ora, ele sairia. Por enquanto, eles vão, novamente, chamar o gari de ocasião. Mas o desespero é tanto que eles ainda poderão  chamar o general. Ou, quem sabe, o capitão? 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s