O CRISTÃO-NOVO DO CRIVELLA

pai uzeda

Roberval Batista de Uzeda é o nome do babalorixá do candomblé conhecido como “Pai Uzeda”. Pai Uzeda ganhou notoriedade em dezembro do ano passado quando prestou “assistência espiritual” ao golpista Temer. Na ocasião, ele deu “passes” no presidente golpista, como forma de “ajudá-lo espiritualmente”. Pai Uzeda, no entanto, nunca foi reconhecido por lideranças religiosas de matrizes africanas, o que mostra que o babalorixá é tão ilegítimo quanto o seu protegido. Tudo normal: presidente ilegítimo recebendo passe de babalorixá ilegítimo.

Mas o candomblezeiro Pai Uzeda agora está em outra. Ele agora faz parte do governo do prefeito-pastor Crivella. No Diário Oficial do Município de ontem, 29/5, foi publicada a nomeação de Pai Uzeda para o cargo de Assistente da Coordenadoria de Respeito à Diversidade Religiosa da Prefeitura, órgão vinculado à Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos. Só que o Pai Uzeda não é mais o Pai Uzeda. Ele converteu-se ao cristianismo e agora declara-se evangélico. O cristão-novo diz que, doravante, quer receber o tratamento de “irmão” e sua conversão tem uma ambição ainda maior: disse que pretende tornar-se bispo, assim como o seu alcaide-chefe.

O agora “Irmão Uzeda” virou um missionário. E, como o Rio de Janeiro é uma cidade cosmopolita, ele quer ampliar o seu eclético magnetismo religioso e espiritual. Já afirmou que quer voltar a Brasília e se reencontrar com o golpista do Jaburu. Só que agora, como ele disse, “nada de passes”. Ele quer distribuir bíblias para Temer e seus ministros, para evangelizar o apodrecido e corrupto Palácio do Jaburu. Porém a missão do cristão-novo do Crivella vai muito além. Em sua empreitada para tornar-se pastor, o ex-babalorixá atribuiu-se uma missão quase impossível: disse que quer salvar a alma de Temer. Ocorre que Temer não tem mais alma. Ela foi vendida para o PSDB, para os corruptos do Congresso que o livraram de seus crimes, para o grande capital nacional e estrangeiro, para os escravocratas do agro-negócio, e, principalmente, para o “mercado”. Até hoje, não sabemos se Deus já salvou a Rainha, como tanto cantam os ingleses. Será que a salvação de Temer estará no ex-babalorixá, agora cristão-novo, do Crivella?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s