AS NOTAS FISCAIS DE CURITIBA

nota fiscal triplexParece que o Brasil, tal qual a Bolívia, possui duas capitais. Isso porque tudo leva a crer que Curitiba virou a “Sucre brasileira”, pois parece que a capital paranaense é a sede do Poder Judiciário. Eles processam, julgam, sentenciam, executam, vazam ilegalmente conversas telefônicas para a Rede Globo e, agora, tudo leva a crer que também emitem notas fiscais para criarem “provas” e anexarem aos processos. Foram encontradas notas fiscais de empresas sediadas em Curitiba, que teriam feito as supostas obras no triplex “atribuído a Lula”. Essas empresas são a Talento Construtora e a GMV Latino América Elevadores, ambas com sede na capital paranaense.

Após a ocupação do triplex “atribuído a Lula”, verificou-se que o mesmo não passou por nenhuma obra de benfeitoria, conforme os acusadores e o juiz Moro afirmam no processo. Uma perícia da Polícia Federal realizada em 17 de março de 2016, portanto, há mais de dois anos, concluiu que “o imóvel aparenta nunca ter sido ocupado e, portanto, não há bens de valor em seu interior.” Diz ainda  a perícia que o imóvel encontra-se “em completo estado de abandono.”  O laudo pericial é assinado pelos peritos federais Régis Signor e Giovani Vilnei Rotta e contradizem as afirmações contidas no processo, que cita notas fiscais com valores de R$ 1.104.702,00, 400.000,00 e 323.189,13. Só que o laudo pericial atesta que nenhum serviço foi realizado e nenhum produto foi entregue.

Isso nos leva a conjecturar que as notas fiscais, de empresas de Curitiba (estranho!), podem ter sido plantadas, o que configura fraude processual. O documento com o conteúdo do laudo pericial é do setor técnico-científico da Polícia Federal e não deixa dúvidas. Resta saber se os peritos mentiram, o que não acredito. E quem mentiu? Estamos começando a chegar lá. A farsa montada parece ter sido de areia, embora em Curitiba não tenha praia. Então, Guarujá deu a areia e Curitiba deu as notas fiscais. E parece que o juiz Moro terá que dar muitas explicações…

 

O ESTUPRADOR-PEDÓFILO TUCANO

prefeito pedófiloO prefeito tucano do município de Bariri, em São Paulo, foi preso por ter estuprado uma menina de 8 anos, em Bauru, no último sábado, dia 21. O PSDB, aliás, que está envolvido em diversos crimes, como corrupção passiva, escândalo do metrô de São Paulo, roubo de merenda escolar, tráfico de cocaína, ameaça de morte, agora está envolvido no estupro de uma menina de 8 anos. O nome do delinquente do PSDB é Paulo Henrique Barros de Araújo, que raptou a menina quando ela havia saído para ir comprar pão. O estuprador-pedófilo tucano já está preso e o delegado responsável pelas investigações afirmou que o bandido tarado do PSDB confessou o crime. Precisou acontecer um crime hediondo para algum tucano ser finalmente preso. O bandido do PSDB ainda tentou resistir à prisão. O delegado informou que o tarado-pedófilo do PSDB fingiu-se de policial e raptou a menina, colocando-a em um carro e levando-a para um matagal, onde praticou o crime bárbaro.

Este episódio lamentável deve ser tratado com todo rigor. Principalmente porque envolve um tucano. E parece que os tucanos são imunes à Justiça. Esperamos que a direita fascista já saiba que Al Jazeera não é Al Qaeda. E esperamos que, doravante, essa mesma direita fascista coloque, de uma vez por todas na cabeça, que quem come criancinha não é comunista, e sim pedófilo. E pedófilo tucano. Ficamos na expectativa de pena máxima para esse delinquente tucano. Até porque o estupro não aconteceu em Curitiba…

 

TEMER, VIAGENS E SEGUNDA INSTÂNCIA

temer gargalhandoTodos os candidatos e partidos só pensam no dia 7 de outubro de 2018, dia das eleições. Mas Temer não. Delírios à parte em relação à sua possível candidatura, Temer só pensa no dia 1º de janeiro de 2019, dia em que passará o cargo tungado no golpe a seu sucessor eleito nas urnas. Então, ele terá que se explicar à Justiça pelos seus crimes. Mas Temer é um golpista profissional, astuto, que engole brincando autoridades do Legislativo e do Judiciário. Como engoliu Rodrigo Maia, que jamais colocou em pauta qualquer pedido de impeachment contra ele. Uma das coisas que mais desperta o interesse de Temer, mais até do que as eleições, é a questão da prisão em segunda instância. Ele sabe que após o seu mandato fatalmente irá, sem o foro privilegiado, ter que responder pelos seus crimes. E, evidentemente, a questão da prisão em segunda instância é de interesse capital para ele. Com a idade em que se encontra e com as Ações Diretas de Constitucionalidade sendo votadas, a prisão em segunda instância cairia. E ele é um potencial beneficiário.

A questão, que até hoje não entendi, é como o Supremo, na condição de guardião da Constituição, criou uma jurisprudência que viola o artigo 5º da Lei Magna, que reza que “ninguém será culpado após o trânsito em julgado de sentença criminal condenatória.” Enquanto falam muito do Lula, Temer, na calada, e como um bom golpista conhecedor da Constituição, sabe que não seria nenhum absurdo criar uma jurisprudência que esteja em conformidade com a Constituição. Vale o que o legislador-constituinte escreveu. Se a Justiça é morosa e essa morosidade enseja protelamentos, a culpa não é do apenado.

O placar no STF está em 5 a 5, embora não possamos prever o voto da Ministra “heracliteana” Rosa Weber, aquela do “é e não é”. Carmen Lúcia, Presidente do STF, já falou que não pautará as Ações Diretas de Constitucionalidade. Então, para Temer, um grande “achado” seria afastá-la da Presidência do STF. Como? Com suas viagens. E a grande chance virá agora em maio, entre os dias 6 e 16, quando o golpista fará um giro pela Ásia. Rodrigo Maia e Eunício Oliveira, seus sucessores imediatos, irão também inventar uma viagem para não assumirem a Presidência da República e ficarem inelegíveis. Sobra então para a Carmen Lúcia, que será Presidente da República por 10 dias, e não apenas 2, como foi recentemente. Afastada do STF, o Vice-Presidente da Corte, Dias Tóffoli assume a Presidência do STF e, com certeza, pautará as Ações Diretas de Constitucionalidade. Em caso de empate em 5 a 5, todos já sabemos: na dúvida, pró-réu.

Então, no dia 1º de janeiro de 2019, Temer deixaria a Presidência e não poderia ser preso em segunda instância. Ainda haveriam recursos. Com a idade em que se encontra e com a morosidade processual, ele morreria e não pagaria pelos seus crimes. Mas, tenho certeza, se o Dias Tóffoli pautar mesmo as tais Ações Diretas de Constitucionalidade, só vão falar que “o Lula é o beneficiado”. Enquanto isso, Temer estará dando gargalhadas na frente desses babacas.

91 ANOS DEPOIS: SÃO JANUÁRIO – O MONUMENTO ANTI-RACISTA

inauguração de são januárioEm 21 de abril de 1927 era inaugurado o Estádio Vasco da Gama, popularmente conhecido como “São Januário”. A construção do estádio não foi apenas uma obra de engenharia. Foi uma verdadeira cruzada contra o racismo e o elitismo que marcavam os clubes da zonal sul. Tudo começou em 1923 quando o Vasco foi campeão com um time formado predominantemente por negros e operários. O feito despertou a ira dos rivais elitistas e racistas do outro lado do túnel. Então, eles criaram uma Liga e exigiram que o Vasco, para participar da entidade, excluísse de seus quadros 12 atletas. Todos os 12 negros. Já não havia mais nenhum sentimento velado. Era racismo mesmo. Porém, em 1924 o presidente vascaíno José Augusto Prestes, na famosa “Resposta Histórica” disse um rotundo “não”. Se fosse para excluir os negros, então o Vasco não participaria da Liga. Foi aí que fizeram, então, outra exigência: o Vasco teria que ter um estádio para integrar a Liga. Eles não acreditavam do que o Vasco seria capaz.

Teve início então a campanha para a construção do estádio. Sem dinheiro público. Sem cessão de terreno por nenhum órgão oficial. Sem Família Guinle. Apenas com recursos dos vascaínos. O clube queria importar o cimento belga, de melhor qualidade. Porém, o Presidente da República,  Washington Luís,  não permitiu, alegando reserva de mercado. Mas é bom lembrar que esse mesmo governo havia liberado a importação do mesmo cimento belga para as obras do Jockey Club, um clube sabidamente elitista. Tirem suas conclusões. A solução, então, foi aumentar a proporção de cimento e pedra britada. Ergueu-se, então,  “São Januário”, com o próprio Washington Luís, que dificultou a obra, presente na inauguração. Chegou a ser o maior estádio da América do Sul.  Ali foi assinada a CLT  que, recentemente, foi aniquilada pelo golpista Temer e seus comparsas. Dali saíram dois aviões, doados pelo clube à FAB, para combater o nazi-fascismo na Segunda Guerra.

São Januário não é apenas um estádio. É um monumento de luta contra o racismo, o elitismo e pela inclusão social. Parabéns Vasco da Gama! Isso é ter história. Isso é ser popular.  O resto, “os do lado de lá” compram, inclusive a mídia, para propagar mentiras.

TIRADENTES E TEMER

tiradentestemer golpistaDepois de a direita e seus penduricalhos terem confundido Al Jazeera com Al Qaeda, ontem fomos brindados com mais uma pérola, dessa vez lançada pelo golpista Temer. Em seu pronunciamento na TV, Temer comparou-se com ninguém menos do que Tiradentes, o mártir da Inconfidência Mineira, na véspera de seu dia. Temer queixou-se de que existe uma “torcida organizada” pelo fracasso de seu governo e, então, lembrou Tiradentes, que foi condenado “por lutar e defender um Brasil livre, forte e independente.” Gente, não é piada. Isso foi falado em cadeia de TV ontem, pelo golpista sem votos que ocupa a Presidência da República. Depois, declarou: “É fácil bater no Michel Temer.”

Comparar-se com Tiradentes é uma impostura tão grande como o seu próprio governo. Mas em uma coisa temos que concordar: é fácil mesmo bater no Temer. Um governo que acabou com os direitos trabalhistas, tentou acabar com a aposentadoria, congelou investimentos em saúde e educação por 20 anos, comprou por duas vezes a Câmara dos Deputados para livrar-se das denúncias, facilitou o trabalho escravo,  quer entregar o país ao estrangeiro e tem uma quadrilha de corruptos ao seu redor, aí fica mesmo fácil de bater no Temer. Tiradentes queria sim um Brasil independente. Mas não é sendo lacaio dos interesses estrangeiros e privatizando a Eletrobrás, por exemplo, que o Brasil ficará independente.

Enquanto Tiradentes é reverenciado como mártir da Independência, Temer já reservou seu lugar na latrina da história. Tiradentes foi traído, enquanto Temer é traidor. Tiradentes queria um Brasil soberano, enquanto Temer quer entregar nossa economia ao estrangeiro. Na verdade, Temer está muito mais para Silvério dos Reis, o traidor que se vendeu para manter o Brasil colonizado. Tiradentes não merecia isso. Sabemos que o movimento do qual Tiradentes participou era, basicamente, de uma elite liberal. Mas comparar-se com ele, é ridículo, lamentável e risível. Aliás, tem muita coisa que realmente Tiradentes não merecia. Basta dizer que além da comparação do Temer, aqui no Rio de Janeiro, na Praça Tiradentes, local próximo de onde o mártir foi enforcado, em local de destaque, existe uma estátua de…  D. Pedro I, cuja avó, D. Maria I, condenou Tiradentes à morte…

AL JAZEERA: UMA EMISSORA DE TV

al jazeera worldSuécia não é Suíça. Austrália não é Áustria. Letônia não é Lituânia. Líbia não é Líbano. Nigéria não é Níger. Ontem, meu amigo Rodrigo Martins lembrou-me que minha mãe chama-se Alzira, e falou: “Alzira não é Al Jazeerra”. Aí então eu lembrei-me que Al Jazeera não é Al Qaeda. E por que estou falando tudo isso? Porque ontem, em mais um frenético ataque tresloucado de coxinhas e coxões de todos os cantos do país, espalhou-se que a senadora Gleisi Hoffmann, do PT, enviou um vídeo para a “organização terrorista Al Jazeera pedindo apoio a terroristas árabes.” Mas, o que foi que aconteceu?

O que aconteceu foi que Gleisi Hoffmann enviou um vídeo para a Al Jazeera denunciando aquilo que ela e muitos outros, dentro e fora do Brasil, chamam de prisão política do Lula. Muitos não acham que a prisão do Lula foi política. Até aí, tudo bem. Mas dizer que a Al Jazeera é uma rede terrorista é de uma boçalidade abissal. A Al Jazeera é apenas uma emissora de TV, sediada no Catar. É a maior rede de TV do mundo árabe. Apenas. Por ser a maior emissora de TV árabe, muitas organizações terroristas enviavam a ela vídeos com seus atos que ela colocava, em primeira mão, no ar. Só isso. Já pensaram se a Globo recebesse e pudesse colocar no ar, em primeira mão, um ato terrorista? Pode-se discordar totalmente da senadora do PT, mas dizer que a Al Jazeera é uma organização terrorista só porque reproduzia vídeos enviados pela Al Qaeda e ainda dizer que a senadora do PT pediu apoio a células terroristas árabes chega a ser risível. Para quem não lembra, até o Fernando Henrique, aquele que se aposentou com 38 anos de idade e tem uma mansão em Paris, já deu entrevista para a Al Jazeera. Lula e Dilma também já deram entrevista para a emissora do Catar. Até o Eurico Miranda, quando era Presidente do Vasco, deu entrevista para a Al Jazeera. A emissora também cobre futebol.

Essa confusão  por parte da direita e dos coxinhas em geral não é exceção. Antigamente eles pensavam que “Cubismo” não tinha nada a ver com arte: era algo sobre Cuba. Ainda hoje eles pensam que o vermelho é a cor demoníaca, embora o vermelho esteja presente nas bandeiras dos Estados Unidos e da Inglaterra. Então, o que quero falar para essa turma hoje é o seguinte: discordem da senadora, odeiem o PT, mas não falem besteiras em doses industriais. Gente, a Al Jazeera é apenas uma emissora de TV. Nada além. Ou será que os coxinhas encarnaram o espírito da Regina Duarte?

A PESQUISA QUE A MÍDIA NÃO MOSTROU

vox populi 3No último final de semana, dia 15, foi amplamente divulgada pela mídia, a pesquisa do Datafolha para Presidente da República, sobre a qual já falamos. Nela, Lula vence todos os seus adversários no segundo turno. No entanto, a mídia escondeu uma outra pesquisa, que foi feita no mesmo período (entre 13 e 15 de abril) pela Vox Populi. Na pesquisa Vox Populi, que a mídia se recusou a divulgar, Lula seria eleito ainda no primeiro turno, atingindo 47% das intenções de voto. Suprimindo-se brancos e nulos, ele faria mais do que a soma de seus adversários e elegeria-se ainda no primeiro turno. O primeiro cenário pesquisado pela Vox Populi foi com Henrique Meirelles aparecendo como candidato e o quadro foi o seguinte:

VOX POPULI

No segundo cenário pesquisado, com o golpista Michel Temer aparecendo como candidato, o quadro praticamente se repete, sendo que o único adversário de Lula que atingiria os dois dígitos continuaria sendo o neofascista Bolsonaro:

VOX POPULI 2

A pesquisa Vox Populi também entrevistou os pesquisados sobre a prisão de Lula e seu direito de participar do pleito, com 41% dos entrevistados dizendo que Lula foi condenado sem provas, 59% afirmando que a prisão de Lula foi política e 58% achando que Lula deve ter o direito de ser candidato a Presidente da República.

Ao comentar a pesquisa o Presidente da Vox Populi, Marcos Coimbra, que não é filiado e nem militante de nenhum partido político, afirmou que “a pesquisa mostra que aumentou o sentimento de que o ex-presidente é vítima de uma injustiça e que recebe um tratamento desigual por parte do Judiciário.” A pesquisa entrevistou 2000 pessoas em 118 municípios, com margem de erro de 2,2% e confiança de 95%. Parece que desde o golpe de 2016 tudo vai trazendo um efeito contrário para a direita. O refluxo está aí. Como eles ainda vão ruminar!