FASCISTAS ATACAM NO SUL

caravana de lula atacadaQuem atira em dois ônibus lotados não pode ter a intenção de assustar e sim de matar. O prenúncio já havia sido dado há poucos dias quando, no Piauí, jovens nazistas apoiadores de Bolsonaro vestiam camisetas mostrando o ex-Presidente Lula decapitado. Parecia um vaticínio (ou seria um recado mesmo?). Ontem, uma turba de fascistas atacou, a tiros, a caravana do ex-presidente Lula, que encontra-se no Paraná. As ações de intimidação dos fascistas do sul já haviam sido realizadas no Rio Grande do Sul, com ovos e pedras sendo lançados aos participantes da caravana.

Após as ocorrências do último final de semana onde bandidos foram, inclusive, incitados pela senadora fascista Ana Amélia, parece que nenhuma providência foi tomada pelas autoridades. Disse a senadora fascista Ana Amélia em um discurso na reunião do seu partido: “Quero parabenizar Bagé, Santa Maria, Passo Fundo, São Borja. Botaram a correr aquele povo que foi lá levando um condenado se queixando da democracia. Atirar ovos, levantar o relho, mostra onde está os gaúchos.” Esse absurdo foi proferido pela senadora fascista Ana Amélia, na convenção de seu partido, logos após os ataques ocorridos no Rio Grande do Sul. Ao invés de tentar serenar os ânimos, ela incitou o crime. Claro que essa conduta vale uma representação no Conselho de Ética e com essa apologia ao crime ela se torna, também, criminosa.

O atentado à caravana de Lula deve ser visto como atentado político (embora o Ministro Jungmann, em uma entrevista, parece ainda ter dúvidas disso). E os bandidos devem ser localizados e responsabilizados por tentativa de homicídio. O avanço do fascismo no Brasil é inconteste e, se não houver um freio por parte das autoridades e uma repulsa dos grupos políticos liberais, mesmo que não sejam de esquerda, poderemos ter várias mortes até as eleições. Fascistas não debatem, não dialogam. Eles exterminam fisicamente.

Em linhas gerais, o atentado contra a caravana de Lula está no mesmo contexto  do assassinato da vereadora Marielle. É um atentado às instituições democráticas e ao estado de direito.  A intolerância e o ódio matam. Infelizmente, a cegueira neofascista vem, desgraçadamente, ganhando campo no Brasil. A própria história, dentro e fora do Brasil, mostra que muitos daqueles que se iludiram com o fascismo e a ditadura, acabaram, depois, sendo vítimas do próprio monstro que ajudaram a criar. Mas a democracia há de derrotar esses facínoras nas urnas. Para o bem do Brasil e do povo brasileiro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s