O TERRORISMO DIGITAL DA DIREITA

fake news terrorismo digitalUma pesquisa do Datafolha, em parceria com o Fórum Brasileiro de Segurança Pública, concluiu que as “fake news” sobre a vereadora Marielle Franco chegaram a 60% dos moradores da cidade do Rio de Janeiro. Isso nos dá uma ideia da expansão do estrago feito pelos fascistas cheios de ódio, principalmente pelo Facebook e pelo Twitter.

“Marielle foi casada com Marcinho VP”; “Marielle defendia bandidos”; “Marielle tinha envolvimento com facções criminosas”; “Marielle foi eleita pelo Comando Vermelho”. Pelo menos uma dessas mentiras disseminadas pela direita após o assassinato de Marielle chegou aos 60% que disseram ter recebido ao menos uma delas, em um verdadeiro terrorismo digital da direita fascista. É necessário acrescentar dois dados curiosos sobre a pesquisa. Primeiro, a falsa notícia de que Marielle havia sido casada com o traficante Marcinho VP foi a mais vista. Entretanto, parece que o tiro dos fascistas saiu pela culatra, visto que 45% julgaram-na falsa e apenas 6% como verdadeira. Já uma informação verdadeira que circulou pela internet, que dizia que “Marielle ajudava famílias de policiais mortos”, apesar de ser a única procedente, apenas 27% a consideraram verdadeira e 8% falsa. No geral, a pesquisa concluiu que a tática fascista de espalhar mentiras começa a não dar muitos resultados. Isso porque, felizmente, a maioria dos entrevistados avalariam as notícias como falsas.

Não podemos deixar de citar que o site direitista Ceticismo Político foi o grande responsável por lançar e repassar as mentiras, juntamente com seus parceiros fascistóides do MBL (Movimento Brasil Livre).  A rejeição como verdade pela maioria dos que recebem as calúnias é um grande alento. Porém, fiquemos atentos. Os “Goebbels” de plantão estarão sempre prontos para atacar. Nem que seja pelos famosos “robôs virtuais”. Mas eles já inventaram tantas mentiras que o repertório deles começa a se esgotar. Talvez eles tenham que divulgar, outra vez, a notícia de que “O Lula é o dono da Friboi”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s