HAWKING E O DIA DO “PI”

número piNo “Dia do pi” quis o destino que “os buracos negros ficassem órfãos”. Hoje foi divulgada a notícia da morte do físico Stephen Hawking, exatamente em um dia cercado de simbolismos. A data em que Hawking faleceu é a mesma em que Albert Einstein nasceu. Hawking também nasceu 300 anos depois de Galileu, em 8 de janeiro de janeiro de 1942. Mas as coincidências não ficam por aí. 14 de março também é uma data marcante para a Matemática. Desde 1988 que é comemorado o “Dia do pi“, o número que talvez seja o mais famoso entre os matemáticos. O número pi é uma constante que obtemos quando dividimos o perímetro de uma circunferência pelo seu diâmetro e, embora tenha infinitas casas decimais, o seu valor aproximado é 3,14.

Nem podíamos imaginar que um número famoso também tivesse o seu dia comemorativo. A tal data foi pela primeira vez celebrada no dia 14 de março de 1988 pelo físico norte-americano Larry Shaw. A escolha do 14 de março não foi aleatória. Ela teve como justificativa o modo como os norte-americanos, em seus calendários, registram o dia 14 de março. Eles colocam o mês à frente do dia e a notação da data é: 3-14, o que seria o valor aproximado do célebre número.

Stephen Hawking e a incrível coincidência das datas de seu nascimento e morte, já seria o bastante para ficarmos abismados. E, para completar as coincidências, nosso cientista se foi exatamente no “Dia do pi“, um número singular para um cientista singular. Hoje, em um lugar chamado “infinito”, o número pi ganhou mais uma casa decimal…

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s