CPI DOS ÔNIBUS: QUEM VAI SOBRAR?

cpi dos ônibusEnfim, por determinação do Tribunal de Justiça do Rio de janeiro, a ALERJ vai instalar a CPI dos ônibus. Os transportes rodoviários do Rio de Janeiro, há décadas controlados por uma máfia, precisam ser passados a limpo. São péssimos serviços, falta de transparência nas planilhas e, em muitos casos, certeza de corrupção. A quadrilha comandada por Sérgio Cabral levava propina para autorizar aumento nos preços das passagens, beneficiando empresários e prejudicando a população mais necessitada. Existem fortes indícios de relações subterrâneas entre parlamentares e empresas de ônibus e, com a CPI, certamente veremos que tal promiscuidade chegará em financiamentos de campanhas eleitorais.

A CPI já era para ter sido instalada em agosto, quando o PSOL protocolou o pedido de instalação, com as assinaturas de 27 parlamentares, 3 a mais do que o necessário. No entanto, 6 parlamentares retiraram suas assinaturas, o que inviabilizou a formação da CPI. É muito provável que os seis parlamentares que melaram a CPI tenham algum compromisso com empresários e isso certamente será mostrado nas investigações.

Vale ressaltar que a “máfia dos ônibus” teve vários de seus integrantes presos, incluindo o empresário Jacob Barata Filho. Mas o mafioso foi posto novamente na rua por decisão monocrática de Gilmar Mendes, “o juiz que faz bandidos sorrirem”.

É absurdamente lamentável que essa CPI, que é um clamor popular, venha a ser instalada por determinação da Justiça. Isso porque, há anos, tenta-se investigar o que há por trás dos transportes públicos do Rio de Janeiro, mas o comprometimento de vários deputados com a máfia das empresas dos ônibus vinha barrando a instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito. Ou seja, se dependesse da ALERJ, a CPI jamais sairia.

Resta a pergunta: quem vai sobrar? O comportamento de muitos deputados da ALERJ tem nos mostrado a serventia que seus mandatos vem tendo para os empresários de ônibus. A “caixa-preta” deverá ser aberta e o povo deve estar atento. Muita podridão ainda irá aparecer. Que a CPI traga o saneamento moral e a melhoria dos serviços nos transportes coletivos do Rio de Janeiro. E que o povo defenestre nas urnas os deputados-comparsas da máfia das empresas de ônibus.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s