O PT E O SUPOSTO BOICOTE A 2018

lula ptTeve grande repercussão esta semana a notícia de que o PT irá boicotar o pleito de 2018, caso Lula não possa ser candidato. Isso em razão de uma eventual condenação do ex-Presidente em segunda instância, caso o julgamento do recurso ocorra antes do pleito. Os petistas acrescentam que, sem Lula na disputa, o país poderia entrar em uma convulsão social e evoluir para uma guerra civil.

Previsões apocalípticas à parte, sinceramente não acredito em um boicote do PT às eleições de 2018. Se fosse o PT dos anos 80, essa hipótese seria até normal. Em 1985, por exemplo, o PT  boicotou o Colégio Eleitoral e não compareceu à eleição indireta de Tancredo, considerando ilegítimo aquele Colégio. Mas em se tratando do atual PT, não vejo condições para isso. Até porque, não participando das eleições e ficando sem representação no Congresso, o PT não teria acesso ao fundo partidário e, levando-se em conta o fim de financiamento de empresas aos partidos, o único apocalipse factível seria o fim do próprio PT.

Que o juiz Sérgio Moro é parcial, disso não há dúvidas. Que o juiz Sérgio Moro é seletivo, também não temos dúvidas. Na verdade, até para os adversários e inimigos de Lula, seria bem melhor que Moro, que já demonstrou grande simpatia ao PSDB e tem DNA tucano, além de não ter mãos pesadas em outros casos (como os das bandoleiras mulheres de Cabral e Cunha), ficasse impedido de qualquer julgamento em relação a Lula. Se o julgamento de Lula tem sido jurídico, ele também tem sido político. E, no Judiciário, não cabem juízos políticos.

Em relação ao suposto boicote, entendo que o PT poderia, isso sim, não lançar candidato e não apoiar nenhum outro para Presidente. Até porque não há nem no PT e nem em outro partido de esquerda ou centro-esquerda nenhum nome que herde o lastro eleitoral de Lula. Mas o PT poderia, isto sim, concorrer aos cargos legislativos, tanto no Congresso Nacional como nas Assembleias Legislativas. O PT teria nomes para fazer grandes bancadas e ser uma oposição como sempre foi. E, o melhor de tudo: reencontrar Aécio, o “matador de delatores”, na… Câmara dos Deputados. Isso se o “playboy do Leblon” conseguir ser eleito deputado federal.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s