CHAMEM A YOANI SANCHEZ!

yoanicensura pá internetYoani Sanchez é uma famosa blogueira cubana, que ganhou o mundo viajando por vários países, financiada sabe-se lá por quem,  para pregar a liberdade de expressão. Ela é dissidente do regime castrista e, em sua missão democrática,  sempre denunciava a censura e o desrespeito à liberdade de expressão em seu país. Como blogueira, dizia-se diretamente afetada,  porque lá em Cuba a internet é censurada. Em 2013 ela visitou o Brasil contando suas dificuldades de ser blogueira em um país onde não se pode falar mal do governo. Principalmente por ser oposição ao regime.

Em pouco tempo no Brasil, ela tornou-se logo a “musa de coxinhas e coxões” . Isso, até a ascensão meteórica da Sra. Janaína Paschoal, a  “doutora dos 35 mil reais”. Yoani Sanchez teve uma agenda cheia em sua visita ao Brasil e, no Rio de Janeiro, o deputado tucano Otávio Leite fez as honras para a menina-ícone das liberdades democráticas e de expressão.

2017, Brasil. Tramitam na Câmara vários projetos que proíbem os internautas  de “falarem mal” de políticos na rede. Alguns dos projetos até preveem prisão aos infratores. Pelas propostas que tramitam, qualquer postagem que seja considerada ofensiva a políticos poderá ser apagada da rede.  É necessário esclarecer que esse tipo de proposta já havia sido feita pelo bandido (atualmente encarcerado) que presidiu a Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, e agora está tomando força e velocidade em sua tramitação.

Na verdade, isto é bem sintomático. Especialistas já fazem a predição de que, nas eleições de 2018, a internet terá um papel fundamental, talvez decisivo. A redução de recursos com o fim dos financiamentos privados de empresas secou a fonte da dinheirama que ganhava eleições. O acesso à internet no Brasil vem se consolidando e a rede virou um grande foro de debates, em todos os níveis, incluindo, infelizmente,  as táticas fascistas como “fake news”. Mas enfrentar táticas fascistas também faz parte da luta e do debate político. Hoje a internet, em especial o Facebook, vem sendo uma gigantesca plataforma de debates políticos e até de transmissões ao vivo de atividades de partidos, candidatos, cientistas políticos, militantes… Não há como frear essa evolução que, inclusive, tende a crescer.

É evidente que os tais projetos nem  esquentarão na Comissão de Constituição e Justiça (será? Olha o Temer aí!). A Constituição consagra, em seu artigo 5, a liberdade de expressão, além de vedar qualquer censura de natureza política ou ideológica.

Se esse absurdo for aprovado,  meu blog encerrará suas atividades. O site do MBL também. As comunidades tucanas e pró-bolsonaristas também. Será muito chato. Não quero a censura. Quero todos no ar, até porque preciso de mídias para rasgar e para quebrar.

Em 2013, vários partidos e grupos  se uniram para ovacionar a blogueira cubana no Brasil: tucanos, bolsonaristas e seres afins.  Peço a eles, então, um grande favor: Chamem a Yoani! Seria muito interessante ouvirmos o parecer da heroína da liberdade de expressão sobre a ameaça de censura à internet no Brasil.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s